Importar dados de um arquivo CSV com PHP

$handle = fopen (‘temp/temp.csv’,’r’);
while (($data = fgetcsv ($handle, 1000, “,”)) !== false) {

$num = count ($data);

for ($c=0; $c < $num; $c++) {

$contato = $data[0];

$divide = explode(“;”, $contato);

$exibe = $exibe. “Email“.$divide[1].”
“;
}
}

Dúvidas, favor postar.

Tags: , ,

5 comentários para “Importar dados de um arquivo CSV com PHP”

  1. DIEGO disse:

    Bom dia!

    Igor;

    Seu tuto é excelente;

    Desculpe minha falta de conhecimento, tenho uma aplicação que fica gerando arquivos csv com os dados do paciente nome,cpf,data nascimento, para cada paciente cadastrado ela gera um csv, como eu faria para que a segunda aplicação lesse esses arquivos a medida que eles forem sendo gerados pois vai chegar um momento em que na pasta vai ter 100 arquivos csv e essa importação teria que ler um a um, eu poderia usar um FOR ou WHILE…

    Help please.

  2. igordeveloper disse:

    Boa tarde, Diego.

    Neste caso, aconselho que você deixe se salvar os dados dos clientes em um arquivo CSV, e alimente uma base de dados com as informações, podendo assim, ser acessada por outra aplicação com mais facilidade.

    Qualquer duvida, é só comentar aqui.

    Abs!

  3. Diego Telles disse:

    Bom dia!

    Igor;

    Se eu entendi o ideal seria criar uma base de dados pra receber esses dados, e ai trabalharia com esses dados para inserir a informação na base principal seria isso ?
    o que eu gostaria era de criar um script que ficasse lendo um diretorio e quando chegasse um arquivo ele le-se e imputava no meu banco só que a minha dúvida é como fazer isso e sem ter duplicidade.
    Existe uma forma de fazer isso ?
    Eu pensei no seguinte, ler o arquivo quando ele chegar na pasta logo em seguida guardar os valores numa variavel e depois renomear o arquivo e mudar a extensão dele ou até move-lo para um outro diretorio…

  4. igordeveloper disse:

    Boa noite, Diego.

    No caso , eu aconselho que você mude a sua aplicação para não salvar os dados dos clientes em um arquivo CSV, não é uma boa prática e seguro fazer isto, o ideal é que você guardasse estas informações em um banco de dados, por exemplo MySql.
    E se caso no administrador você precise que o cliente tenha a opção de exportar isto, geraria um arquivo para download em CSV através da aplicação.

  5. Yuri disse:

    Bom dia Igor!
    Parabéns pela didática!

    Para fazer com um TXT separado por pipes, como proceder? É parecido?

    Obrigado!

Deixe um comentário